Home / Destaque / No Santa Cruz, Botafogo recebe o Linense em jogo fundamental
No Santa Cruz, Botafogo recebe o Linense em jogo fundamental

No Santa Cruz, Botafogo recebe o Linense em jogo fundamental

Rogério Moroti
rmoroti@botafogosp.com.br

O Botafogo volta a campo na noite desta segunda-feira (26), quando recebe a visita do Linense, às 20h, no estádio Santa Cruz, pela nona rodada do Paulistão, em partida fundamental para as pretensões do Pantera dentro da competição, já que após este jogo o Tricolor fará dois jogos fora de Ribeirão – contra Santo André e São Caetano -, e só volta a jogar diante da sua torcida no dia 11, contra o Corinthians, pela última rodada da primeira fase.

Com 11 pontos ganhos, na segunda colocação do Grupo D, mas tendo na sua cola o Red Bull, também com 11 pontos, mas com pior campanha nos critérios de desempate, o Tricolor sabe que uma vitória contra o Linense é importantíssima na briga com o Toro Loko por uma vaga na segunda fase.

O Linense, do técnico Márcio Fernandes, que passou pelo Pantera em 2016, chega à Ribeirão Preto com a corda no pescoço. É o último colocado no geral, apenas com cinco pontos, e nem mesmo uma vitória nesta segunda o tira da zona de rebaixamento.

Durante a semana, questionados pela imprensa se seria uma partida fácil, pois o Tricolor enfrentará o lanterna da competição, os jogadores do Botafogo fizeram questão de pontuar a dificuldade do Paulistão, pregaram respeito ao time de Lins e alertaram para os perigos deste jogo.

– Não existem partidas fáceis no Paulistão. O Linense empatou com o Palmeiras, fora de casa, e isso mostra a qualidade deles. Temos que ter muita inteligência para vencer este confronto – declarou o volante Diones.

O técnico do Pantera, Léo Condé, segue com problemas para montar seu time. Além de seguir sem poder contar com vários jogadores machucados, ele também perdeu o seu capitão, o zagueiro Plínio, que tinha atuado em todos os jogos, mas recebeu o terceiro amarelo e vai cumprir suspensão.

HISTÓRICO DO CONFRONTO:
Botafogo e Linense realizaram apenas oito jogos no histórico de confrontos entre as equipes. São seis partidas pelo Paulistão e duas pela Copa Paulista. O primeiro duelo aconteceu pelo Paulistão de 1957, com goleada do Tricolor por 6 a 0, no Estádio Luís Pereira.

O Tricolor leva vantagem com quatro vitórias, contra três do Elefante da Noroeste e um empate. O Pantera está na frente também nos gols marcados, com 14 contra sete.

ESTATÍSTICA DO DUELO:
8 – Jogos
4 – Vitórias do Botafogo
3 – Vitórias do Linense
1 – Empate
14 – Gols do Botafogo
7 – Gols do Linense

ARTILHEIROS: Bruno Moraes (5); Jheimy e Dodô (1)

LESIONADOS: Diego Tavares, Willian Oliveira, Wesley, Peri, Marcos Martins e Everton Heleno

PENDURADOS: Diones e Willian Oliveira (2 cartões); Bruno Rocha, Peri, Danielzinho, Marcos Martins e Naylhor (1 cartão)

SUSPENSOS: Plínio

CURTINHAS:

  • O estádio Santa Cruz completou 50 anos de sua inauguração no último dia 21 de janeiro. A partida inaugural foi em 1968, com uma vitória por 6 a 2 do Botafogo sobre a seleção da Romênia.
  • Em 2018, o Botafogo também completa seu centenário, que será comemorado no dia 12 de outubro.
  • O zagueiro Caio Ruan, de 22 anos, já realizou 54 jogos com a camisa profissional do Tricolor. Capitão do Pantera no vice-campeonato da Copa São Paulo Júnior de 2015, Caio fez o gol da vitória do Botafogo sobre o São Caetano, que praticamente garantiu o acesso do Botafogo à Série C do Brasileiro.
  • É o 10º Paulistão consecutivo do Botafogo, desde o acesso de 2009.
  •  É o primeiro Paulistão do técnico Léo Condé, que assumiu o Pantera em Outubro passado. Em 2015, ele foi vice-campeão do Mineiro pela Caldense.
  • Oito jogadores do elenco do Paulistão foram revelados pelo Botafogo, são eles: João Lucas, Geisandro, Júlio Vaz, Carlos Henrique, Caio Ruan, Bruno Rocha, Gabriel Paulista e Wesley.
  • O Botafogo contratou 19 reforços para o Paulistão: goleiro Tiago Cardoso, os laterais Diego Tavares, Taylor, Peri, Mascarenhas e Marcos Martins; os zagueiros Naylhor e Plínio, os volantes Serginho, Willian Oliveira e Diones, os meias Danielzinho, Everton Heleno, Dodô, além dos atacantes Caio Dantas, Cafú, Jheimy, Lelê, Bruno Moraes.

Foto: Rogério Moroti/Agência Botafogo

ELENCO

Scroll To Top