Botafogo desperdiça chances e empata no Santa Cruz - Botafogo Futebol SA

Notícias do Botafogo Orgulho de Ribeirão

outubro 09 2019 0comment

Botafogo desperdiça chances e empata no Santa Cruz

Luiz Cosenzo
luizcosenzo@botafogofutebolsa.com.br

O Botafogo criou várias oportunidades de gol no segundo tempo, mas não conseguiu marcar e empatou com o Figueirense por 0 a 0, nesta terça-feira (8), no estádio Santa Cruz, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Tricolor ainda atuou com um jogador a menos nos últimos dez minutos após o zagueiro Luiz Otávio ser expulso em uma jogada com Alemão. No lance, o árbitro marcou pênalti que foi cobrado por Andrigo e defendido por Darley.

Com o empate, o Pantera ocupa a sétima colocação com 40 pontos, contra 41 do América-MG, quarto colocado.

Agora, o Botafogo viaja para disputar duas partidas fora de seus domínios. Na sexta-feira (11), véspera do aniversário de 101 anos do clube, o Tricolor enfrenta o Brasil-RS, às 19h15, em Pelotas. Na segunda-feira, o rival será o Guarani, às 20h, em Campinas.

O JOGO

Com o objetivo de buscar a segunda vitória consecutiva, o treinador Hemerson Maria repetiu praticamente a mesma escalação da vitória sobre a Ponte Preta. As únicas alterações foram as entradas de Lucas Marques no lugar de Lucas Mendes e de Dodo na vaga de Julio Cesar.

Na etapa inicial, o Botafogo tentou tomar a iniciativa, mas encontrou dificuldades. As melhores jogadas eram pelo setor direito com Dodo, no entanto, a equipe não conseguia finalizar contra o gol de Pegorari. Quando teve a oportunidade, a bola saiu por cima ou rente à trave.

Já o Figueirense procurava segurar o jogo e pouco ameaçou o goleiro Darley.

No segundo tempo, o Botafogo voltou com outra postura. Aos 13 minutos, após cruzamento da direita, Murilo cabeceou no contrapé do goleiro Pegorari, mas a bola saiu. Seis minutos depois, o meia-atacante finalizou da entrada da área e o goleiro rival fez excelente defesa.

O Tricolor continuou pressionando. Hemerson Maria trocou o meio-campista Meritão pelo atacante Saraiva. Antes, já havia trocado Bruno José por Dodo. Aos 24 minutos, após cobrança de escanteio, Luiz Otávio cabeceou para fora.

Já o  Figueirense jogava nos contra-ataques e teve uma grande chance aos 29 minutos, quando Robertinho recebeu livre na grande área, cortou para dentro e concluiu por cima do travessão.

Aos 33 minutos, o Pantera teve outra grande oportunidade. Murilo cobrou falta, Pegorari rebateu e Didi escorregou na hora da conclusão.

O time catarinense teve a bola do jogo aos 38 minutos, quando Luiz Otávio cometeu pênalti em Alemão e foi expulso. Andrigo cobrou e Darley defendeu para garantir o empate por 0 a 0.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X FIGUEIRENSE
Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto
Data: 8 de outubro, terça-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)
Assistentes: Daniel do Espirito Santo Parro (RJ) e Daniel de Oliveira Alves Pereira (RJ)
Cartões amarelos: Lucas e Bruno Moraes (Botafogo); Patrick, Andrigo e Yuri Mamute (Figueirense)
Cartão vermelho: Luiz Otávio (Botafogo)
BOTAFOGO: Darley, Lucas Marques, Luiz Otávio, Didi e Pará; Pablo, Marlon Freitas, Higor Meritão  (Saraiva) e Murilo (Nadson); Bruno Moraes e Dodo (Bruno José). Treinador: Hemerson Maria
FIGUEIRENSE: Pegorari; Luis Ricardo, Alemão, Pereira e Conrado; Patrick, Tony e Andrigo; Jefferson Renan (Victor Guilherme); Breno (Robertinho) e Yuri Mamute (Odilávio). Treinador: Márcio Coelho